Pacientes não buscam exames clínicos realizados pelo SUS

Vi esta matéria na TV hoje, no Bom Dia Rio Grande.

As pessoas vão, fazem os exames e depois não vão buscar, prejudicando outros pacientes. Na matéria, pareceu mesmo um descaso por parte dos pacientes, mas na realidade é isso mesmo?

Fiquei pensando sobre o assunto e lembrando das pessoas que dependem do SUS. Eu mesmo muito utilizei e utilizo o SUS, não para tratamento, mas em caso de emergência. Tudo é muito demorado e cheio de gente. Tudo é muito difícil no SUS.

A pessoa vai num dia e enfrenta uma tremenda fila. Marca uma consulta com um médico clínico-geral. Não necessariamente no mesmo dia. Depois, quando passa pela avaliação cronometrada do clínico, é encaminhado para o especialista. Dependendo do especialista, vai demorar meses. Quando chega ao especialista, é feito o pedido de exame. Na prática, também dependendo do exame, pode demorar mais uns dois meses. Quando está com o exame na mão, o paciente torna a marcar com o especialista – não necessariamente o mesmo – e finalmente completa o ciclo com seis meses de espera.

Se precisar cirurgia, mais fila. Espera interminável até a marcação.

Não são os médicos, nem enfermeiros, nem atendentes os culpados. Não se enganem. É o sistema aplicado a esse atendimento.

Um paciente com descolamento de retina tem horas antes de ficar cego. Se ele tiver uma hemorragia no olho, um laser aplicado no lugar certo, conserta o dano. Esse procedimento é um dos que demoram meses para acontecer pelo SUS. É aí que está a minha resposta do motivo pelo qual pacientes não buscam exames. Já era.

Já não vai mais buscar o exame, porque já está cego. Já não vai mais buscar o exame, porque a mão já não funciona mais mesmo. Já não vai mais buscar o exame porque morreu.

Seria interessante ter essa pesquisa, para verificar isso. Será que as pessoas que não buscam os exames, conseguiram os mesmos pagando em outro lugar senão acabam morrendo em casa? Ou então não buscam porque já bateram as botas mesmo?

Fica a pergunta.

2 Respostas

  1. Espero que a conclusão não seja que a culpa é dos médicos.

  2. “Não são os médicos, nem enfermeiros, nem atendentes os culpados. “

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: