Carro movido a cocô

Ouvi isso ontem, no rádio. Um new beetle com o motor modificado é o primeiro a usar esse combustivel tão abundante.
Mas antes que você pense que o carro sai peidando por aí, com problemas no escapamento (rá!) não é bem assim que funciona.
O gás metano obtido das fezes é processado e transformado em gás veicular. Pronto. O carro anda como se estivesse no GNV.
A vantagem é que o GNV do petróleo vai acabar um dia, mas enquanto houver gente produzindo combustível, nossos veículos não irão parar.
Combustível barato, neutro e ecologicamente correto.
Isso também pode alterar a percepção que temos das coisas, porque se a idéia pegar, não podemos acusar ninguém que fez algo errado de estar fazendo… bem… você entendeu.

2 Respostas

  1. Lembram daquele Araponga, há uns 20 anos? Dias Gomes, Ferreira Gullar, Tarcísio Meira, Luiza Brunet…

    Não tinha naquela novela uma história de um combustível chamado urinolina?

    Esse daí é parente.

  2. E o pessoal vai continuar fazendo cagada no trânsito.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: