35 Anos de “Um Estranho no Ninho”

Há exatos 35 anos era lançado nos cinemas americanos o filme Um Estranho no Ninho (One Flew Over the Cuckoo’s Nest – EUA/1975), contando a história de Randle McMurphy que, para fugir da prisão, alega insanidade mental. Mas ao ser enviado para uma instituição que cuida de doentes mentais, ele acaba tendo que enfrentar a autoridade e os rígidos métodos da enfermeira-chefe Ratched.

Dirigido por Milos Forman e tendo nos papéis principais Jack Nicholson e Louise Fletcher em atuações nada menos que antológicas, é um dos únicos três filmes que ganhou os cinco Oscars principais da Academia: filme, roteiro (adaptado do romance de Ken Kesey, de 1960), diretor, ator e atriz.

Indiscutivelmente, um dos grandes momentos da história do cinema.

Em tempo: a título de curiosidade, o nosso colega Trezentos informa que a obra que deu origem ao filme foi relançada em inglês, em uma edição especial, pela coleção Penguin De Luxe, na qual grandes desenhistas de quadrinhos foram convidados a ilustrar as capas de alguns clássicos. O ilustrador de One Flew Over the Cuckoo’s Nest foi Joe Sacco, autor de reportagens em quadrinhos sobre zonas de guerra conflagradas. São dele  Gorazde, Palestina: Uma Nação Ocupada e Notas sobre Gaza.

O prefácio dessa edição foi escrito pelo autor de Clube da Luta, Chuck Palahniuk.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: