Quadrinho de Adulto

Relendo alguns comentários aqui do Alerta, acabei caindo no blog do Brigatti e li este post, o que me lembrou de uma frase que eu cunhei (bonito, não) há muuuuito tempo atrás, numa conversa com o Espantalho, sobre este mesmo assunto. E que, creio eu, tem estreita relação com todo esse assunto: “Quadrinho de adulto só é quadrinho de adulto enquanto tu ainda é criança.”

O que não me impede de achar que não é por isso que o leitor de quadrinho tenha que ser tratado como um debilóide (embora alguns mereçam) que não vai questionar alguns absurdos e disparates que volta e meia se apresentam nas histórias, e que algumas histórias realmente foram realizadas com um cuidado e uma intenção além da simples troca de bordoadas entre um vilão uniformizado e um cara com a cueca por cima das calças.

Fosse eu dotado de extrema e competente verborragia similar à de meus companheiros Trezentos, Espantalho e Tcheloco, poderia discorrer aqui por mais alguns parágrafos de maneira bastante aprofundada sobre o tema, mas no fundo, no fundo, acho que a frase encerra significado suficiente em si mesma (leia-se “estou tentando justificar minha preguiça de escrever”).

Estejam à vontade para continuar o assunto. 😉

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: